Santa Luzia elege prefeito, Põe fim a oligarquia e acaba com a anarquia.

Novo prefeito eleito abre mão dos salários com a finalidade de tirar a cidade da dívida, assina decreto para reabrir o hospital São João de Deus, faz reforma administrativa e nomeia novos secretários.

“Sem corrupção vamos conseguir transformar a vida dos Luzienses”

O Prefeito empossado Dr. Christiano Xavier apresentou medidas imediatas. A primeira declaração foi abrir mão dos salários de prefeito; a economia poderá atingir o valor R$740 mil, somando o salário de prefeito incluindo o INSS. Segundo o prefeito, esse valor poderá ser usado para a reabertura do Hospital e Maternidade da cidade, ha cinco anos não nasce uma criança nesta cidade, enfatizou.
O prefeito, em seu primeiro discurso depois de empossado, ressaltou: “Vamos elaborar uma comissão para conduzir e apoiar a reabertura do Hospital São João de Deus com a criação e apoio à campanha publicitária ‘Eu amo o hospital São João de Deus’, onde serão arrecadados fundos por meio de eventos e encontros com empresários, artistas e sociedade.”
O outro decreto é para combater o nepotismo. O prefeito informou que buscará “moralizar e coibir as relações e empregos entre parentes dentro do poder executivo e permitir maior distribuição de renda e oportunidades de trabalho no município”.
Anticorrupção – Um ponto importante anunciado foi acerca da reforma administrativa. Com a regulamentação da Lei Federal o objetivo é de fiscalizar evitando superfaturamento e empresas suspeitas de contratarem com o município. O que vinha sendo percebido era a atuação de grupos organizados impossibilitando a participação popular no sistema político da cidade sem se preocupar com as necessidades do povo. Saúde, segurança, mobilidade e educação, dentre outros…

Oligarquia em Santa Luzia chegou ao fim.

Oligarquia é o regime político em que o poder é exercido por um pequeno grupo de pessoas, pertencentes ao mesmo partido, classe ou família.
O Brasil que precisamos para as próximas gerações não poderá ser oligárquico, sendo palco de corrupção e resseção. O continuísmo tem que acabar (persistência, de que se lamenta, de algo que já vinha a ocorrer; manobras para permanecer “tudo como está”). Não é mais suportável um governo de grupos organizados que excluem o povo das propostas. Queremos um País sem golpes, com gente nova. Queremos um governo legítimo, eleito pelo povo e, naturalmente, pelo voto direto, tanto nos municípios quanto no senário federal. Queremos novos deputados que votam leis que favoreçam o pobre; um país de iguais fraternos.
O que se percebeu no senário geral foi corrupção, manobras, governos ilegítimos apoiados por deputados e senadores. Nas três esferas do governo, a exemplo de Santa Luzia, governos ilegítimos fizeram a população sangrar. A cidade deixou de crescer nos quase três anos anteriores, até que por decisão, a justiça prevaleceu e deu um basta no desmando.
Na oligarquia o governo controla o poder em benefício próprio, sem se preocupar com as necessidades da população. Esta concentração do poder em um pequeno grupo impossibilita a participação do povo no sistema político, e faz com que a cultura, economia e a política do país sejam controladas por um pequeno grupo social. Literalmente um governo de poucos, administração que controla o poder em benefício próprio e faz o povo refém, impossibilitando a participação, fazendo o governo dos melhores (Aristocracia – poder concentrado na nobreza). O que se percebeu foi uma máquina inchada com fins eleitoreiros. O povo votou mais uma vez e deu a resposta certa na hora certa. Agora é o delegado, segurança para administrar Santa Luzia. (grifo, Luz Metropolitana)
A vitória do delegado Christiano Xavier põe fim a um desmando na cidade. Eleito com mais de 54,28% dos votos válidos no dia 24/06. Depois de tanta espera, a cidade escolheu um representante legítimo e competente.
Uma cidade marcada por corrupção, manobras e contradições, onde os políticos que aqui jaziam fizeram de Santa Luzia uma oportunidade de se projetar em lugar de governar. No dia 24/06 acabou a “farra do boi”. Finalmente teremos um representante legítimo.
Eleitores em Santa Luzia.
Santa Luzia tem hoje 155.720 eleitores que escolheram seu representante por causa da dupla vacância no Executivo Municipal, quando Roseli Ferreira PSB e Fernando Cesar PRB, renunciaram.

O Delegado Christiano Xavier PSD – eleito com 54.470 votos, quase dobrou sua votação em apenas dois anos. De 30.800 votos 29,56% para 54.470 votos.(54,28%)
A última estimativa do IBGE para SANTA LUZIA MG indica uma população total de: 218.897 habitantes. Apesar de haver uma possível contradição em resumo do ano 2.000 para 2010, Santa Luzia tem um crescimento desordenado e verticalizado. Acredita-se que o próximo censo possa indicar acima de 300 mil habitantes.
“Sem corrupção vamos conseguir transformar a vida dos Luzienses” afirma o novo prefeito, Delegado Christiano Xavier,

Quem é o Delegado Christiano Xavier?

Pós-graduado em Direito Público e em Inteligência e Contra inteligência em Segurança Pública, com curso de Investigação em Homicídios ministrado pelo Federal Bureal of Investigation (FBI). Em 2006 assumiu o comando da Delegacia de Homicídios (DH). Com muito trabalho e dedicação, conseguiu desenvolver, motivar e aprimorar a equipe e a infraestrutura da delegacia, alcançando resultados cada vez melhores. Com diversas operações envolvendo de 100 a 200 policiais e prisão de dezenas de criminosos em uma mesma ofensiva, diminuindo consideravelmente o número de processos. Fez, com isso, a espera de investigação cair pela metade e a equipe passou a ser acionada para atuar na elucidação de crimes também em outras cidades.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Patrocinado - Anuncie aqui

Deixe uma resposta